Continue conectado!
banner_dish

Agenda

Arena Mineirão recebe Raça Negra e Harmonia das Antigas

/

Divulgação

No dia 17 de março, mineiros poderão se jogar no samba e no pagode das antigas no espaço criado no Gigante da Pampulha

O grande encontro entre ícones do samba e do pagode está confirmado no Mineirão. No dia 17 de março, sábado, às 18h, a Arena Mineirão receberá os gryois Harmonia do Samba, que apresentará o repertório do projeto Harmonia das Antigas, e Raça Negra.

Dois espaços cobertos foram planejados para que o público possa escolher. O Front Stage, a R$140 (meia), com open bar de vodka, cerveja, suco, refrigerante e água, e o setor Arena, a R$60 (meia). Os ingressos podem ser adquiridos pelo site oficial ou na loja da oficial, no Shopping 5ª Avenida (Rua Alagoas, 1314, Loja 16, Piso C, Savassi, Belo Horizonte/MG).

Raça Negra

O Raça Negra foi a primeira banda de samba a tocar numa rádio FM, com a música “Caroline”. Na década de 90, entrou para o Guinness Book com a canção “É tarde demais” devido à impressionante marca de mais de 600 execuções em rádios num só dia. Mas todo este sucesso teve uma pitada de ousadia: a incursão de instrumentos incomuns ao seguimento, como naipes de metais.

Luiz Carlos sempre teve a batuta nas mãos para reger os passos do Raça Negra e é um ícone entre os nomes que surgiram posteriormente. Impossível falar em alguém que canta, toca e vive de samba que não tenha bebido da fonte do Raça Negra. Com mais de 34 anos de carreira, trazem na bagagem 12 vinis, 28 cds, 4 dvds e mais 36 milhões de discos vendidos.

Harmonia das Antigas

Responsável por sucessos imortalizados na voz do vocalista Xanddy como “Nova Dança”, “Menina Quebra” (como era conhecida), “Vem Neném”, “Elevador”, “Uva” entre outras, o grupo Harmonia do Samba está na estrada desde 1993. A performance do vocalista ao rebolar de maneira incomum chamava bastante atenção, pois diferentemente dos outros grupos da época, em que a maior parte tinha dançarinas (geralmente era uma loira e uma morena), para ensinar ao público as coreografias, o Harmonia do Samba só tinha homens em sua formação e quem dançava e cantava ao mesmo tempo era o Xanddy ensinando as coreografias ao público.

Ao todo são 12 CDs lançados e outros projetos, como Harmonia Light, no qual a banda ensaiou músicas de MPB e outras de cunho romântico, investindo no pagode mais para o público dos apaixonados, além dos famosos Ensaios de Verão (A melhor segunda-feira do mundo) que no ano de 2011 foram eleitos como os melhores ensaios da Bahia, com o Harmonia cantando hits antigos, novos e sucessos de outras bandas, que já contaram com participações especiais como Ivete Sangalo, Saulo Fernandes e Gilberto Gil, entre outros.

Serviço

Raça Negra e Harmonia das Antigas
Data: 17 de março de 2018, sábado
Horário: 18h
Local: Arena Mineirão (local coberto) – Av. Antônio Abrahão Caran, 1001 – São José, Belo Horizonte – MG

Ingressos:

Arena: R$ 60 – meia
Front Stage (open bar de vodka, cerveja, suco, refrigerante e água): R$ 140 – meia
Classificação etária:
Arena: 14 anos
Front Stage: 18 anos

Leia
Comente!

Escreva o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *